Número de novos Fundadores
Álvaro Siza Vieira
Visões da Alhambra

Indicadores de
desempenho
institucional

2017 foi um ano
excecional para
Serralves:
Desde a constituição da Fundação em 1989 até hoje, passaram pelos vários espaços de Serralves mais de 9 milhões de visitantes de todas as idades e vindos de todos os pontos do país e do mundo, dos quais mais de 7 milhões visitaram Serralves após a abertura do Museu em 1999
Maior número de visitantes de sempre à Fundação
1.316.326
Número de visitantes estrangeiros
218.674
N.º de participantes nas atividades do Serviço Educativo
116.664
N.º de participantes nas atividades do Serralves em Festa
224.867
N.º de participantes nas atividades da Festa do Outono
55.128
N.º de participantes nas atividades do BioBlitz
23.199
Número de novos Fundadores
20
Número de Fundadores Patrono
63

Exposições em Serralves

Em 2017 o Museu apresentou um vasto programa de exposições onde, para além de reconhecer artistas já estabelecidos, promoveu também vozes e formas novas e emergentes.
Philippe Parreno
A Time Coloured Space
04 fev — 07 mai '17
Gordon Matta-Clark
Splitting, cutting, writing, drawing, eating
05 mai – 03 set ‘17
Álvaro Siza Vieira
Visões da Alhambra
08 mar – 28 mai ‘17
Ana Manso
Yo-Yo projetos contemporâneos
23 fev – 07 mai ‘17
Coleção de Serralves
1960–1980
08 mai ‘17 – 21 jan ‘18
Julie Mehretu
Uma história universal de tudo e de nada
19 mai – 03 set ‘17
Fotoestruturalismo
A configuração da página enquanto conceito
15 jun – 17 set ‘17
Nick Mauss
Intricate Others
22 jun – 24 set ‘17
Incerteza Viva
Uma exposição a partir da 32a Bienal de São Paulo
01 jul ‘17 – 01 mai ‘18
Jorge Pinheiro
D’après Fibonacci e as coisas lá fora
15 set ‘17 – 07 jan ‘18
Daniel Steegmann Mangrané
Uma folha translúcida, no lugar da boca - Projetos contemporâneos
30 set ‘17 – 21 jan ‘18
Primeira Vista
Álbuns de artista na coleção da Fundação de Serralves
30 set ‘17 – 25 fev ‘18
Novo Banco Revelação 2017:
Tiago Madaleno - Clepsidra
17 out ‘17 – 07 jan ‘18
Coleção de Serralves Aquisições Recentes:
Angela Bulloch - Heavy Metal Stack of Six
desde 27 out ‘17
Coleção de Serralves Aquisições Recentes:
Tris vonna-michell - A Watermark: Capitol Complex, 2015
18 nov ‘17 – 11 mar ‘18

Exposições em Portugal e no estrangeiro

Em 2017 a Fundação de Serralves investiu na apresentação de exposições nacional e internacionalmente, alargando de forma ativa a sua rede de acesso e facilitando a aproximação das populações à arte e à cultura contemporânea.

Através da organização de exposições da sua Coleção em vários locais espalhados por todo o país, Serralves cumpriu a responsabilidade social - e uma vertente fundamental da sua missão - de contribuir ativamente para a descentralização da cultura em Portugal, ao mesmo tempo que deu a conhecer um acervo de referência que oferece um contexto internacional único para a compreensão da arte contemporânea.

Da Coleção no Palácio da Bolsa:
Ângelo de Sousa, João Machado e Zulmiro de Carvalho
21 mar – 24 set ‘17
Da Coleção em Lisboa Cordoaria Nacional:
O olhar do artista - Obras da Coleção de Serralves
19 mai – 06 ago ‘17
Da Coleção de Serralves no Porto de Leixões:
Passagens
18 jun – 17 set ‘17
Da Coleção no Aeroporto do Porto:
José Pedro Croft
06 jul – 08 out ‘17
Da Coleção no MMIPO — Museu da Misericórdia do Porto:
René Bertholo, Alberto Carneiro, Ângelo de Sousa, Ana Vieira - Body Space
22 jul – 24 set ‘17
Palácio Nacional da Ajuda, Lisboa
Joan Miró - Materialidade e Metamorfose
08 set ‘17 – 13 fev ‘18
Arte em São Bento Serralves 2017
05 out ‘17 – 04 out ‘18
Da Coleção no Aeroporto do Porto:
Miguel Palma
30 out ‘17 – 21 jan ‘18
Helena Almeida
Corpus
17 fev – 11 jun ‘17
Michael Krebber
The Living Wedge
18 fev – 30 abr ‘17
Monir Shahroudy Farmanfarmaian
Possibilidade infinita. Obras em espelho e desenhos 1974—2014
17 mar - 30 jul ‘17

Um Parque Vivo

Em 2017 a Direção do Parque desenvolveu um conjunto de atividades dirigidas a público adulto, geral e especializado.
O estudo e investigação dos valores naturais e paisagísticos do Parque, que tem vindo a ser desenvolvido em parceria com o CIBIO/InBIO, continuou a decorrer em 2017. Estes estudos de base encaram-se como fundamentais, pois possibilitam o suporte técnico para o desenho de novas ações de programação e para elaboração de ações de conservação e valorização do Parque.

No que toca à conservação e valorização da singular identidade histórica do Parque de Serralves foram desenvolvidas intervenções ao nível do jardim das aromáticas; trabalhos de arboricultura com o objetivo de assegurar a longevidade das árvores do Parque; trabalhos de limpeza na orla dos principais espaços; e diversas intervenções de melhoria do sistema de rega, de forma a otimizar estes sistemas para responder às necessidades atuais.

Grandes Eventos

Os grandes eventos a que Serralves já habituou os seus públicos reforçaram em 2017 o seu espírito aberto e agregador e acolheram milhares de visitantes.
02 — 04 jun ‘17
Serralves em Festa

O Serralves em Festa 2017 sob o tema “Quebrar Muros” celebrou Serralves como um espaço inclusivo da arte contemporânea e da cultura, incorporando ainda o pensamento e práticas ligadas à reflexão sobre o meio ambiente e a paisagem. A programação integrou propostas que promoveram a integração das artes visuais com as artes performativas, nas áreas disciplinares da Performance, Música, Dança Contemporânea, Teatro e Cinema e a Arquitetura, apresentadas numa relação estreita com as atividades regularmente desenvolvidas no Museu e no Parque de Serralves.

À imagem do ano anterior, o Serralves em Festa deu protagonismo à relação com os seus públicos, bem como aos diferentes interlocutores artísticos da cidade, desde associações culturais a escolas artísticas, proporcionando encontros singulares e perspetivas de outras colaborações. As parcerias com instituições portuguesas ligadas à arte, à cultura e ao ambiente continuaram a ser privilegiadas, além do destaque nesta edição às parcerias com as diversas Câmaras Fundadoras, tornando a Fundação de Serralves, mais uma vez, o maior ponto de encontro dos mais variados públicos, nesta que foi a edição do evento com o maior número de visitantes: 224 mil.

23 — 24 set ‘17
Festa do Outono

No ambiente único do Parque de Serralves e da sua Quinta, pelo nono ano consecutivo, a Festa do Outono marcou a entrada desta estação com o pretexto de celebrar a época das colheitas e o reavivar de antigas tradições, representando uma oportunidade de contacto com alguns saberes e práticas ancestrais, reproduzidos no contexto contemporâneo de Arte e Paisagem que é Serralves. Foi também um momento de sensibilização para a adoção de práticas ambientalmente sustentáveis. As parcerias com as Câmara Fundadoras se Serralves proporcionaram a sua participação em diversas atividades de carater cultural e ambiental.

Durante dois dias a Festa convidou as Famílias e o público geral a participar gratuitamente num programa tão aliciante quanto desafiador: percursos de descoberta da fauna e da flora do Parque, processos de transformação de algumas fibras têxteis e da arte da cestaria, espetáculos de música, de dança, teatro e atividades de descoberta de exemplares de animais de raças autóctones. Foi um fim-de-semana muito participado – registou o número mais elevado das nove edições: 55.128 - que proporcionou momentos bem passados em família, com experiências inovadoras e muito divertimento à mistura!

15 — 21 mai ‘17
Bioblitz Serralves

Constituindo-se como um evento de referência na programação anual de Serralves, no que respeita à educação e sensibilização para o Ambiente e para a Biodiversidade, o Bioblitz Serralves realizou-se pelo quarto ano consecutivo, reservando a semana à participação gratuita da comunidade educativa e o fim-de-semana aberto às famílias e público em geral, tendo recebido mais de 23 mil participantes.

Com o mote de dar a conhecer a fauna e flora do Parque, este evento tem como objetivo promover e fomentar uma consciencialização das crianças e dos jovens sobre a importância da Biodiversidade e dos espaços naturais que nos rodeiam.

Todas as atividades representaram uma oportunidade única de partilha entre a comunidade escolar, público em geral, e a científica, no sentido da construção de relações de proximidade com a Natureza e seus ecossistemas.

Além do programa de atividades, organizado por Serralves em parceria com o CIBIO/InBIO, o Bioblitz integrou ateliers pedagógicos da LIPOR e, pela primeira vez, o evento contou com a participação de algumas autarquias fundadoras, que aceitaram o convite da instituição e, através dos seus Centros de Educação Ambientais, trouxeram atividades na área da educação ambiental.

Educação
para todos

As linhas de atuação do Serviço Educativo são regidas por verbos que nos incitam à ação:

Experimentar: atividades destinadas à comunidade escolar;
Partilhar: atividades às famílias, jovens e crianças; Integrar: atividades de promoção da inclusão social e intelectual;
Envolver: atividades para o público adulto.

Tendo como missão estimular nos diferentes públicos o interesse pela descoberta, pela criatividade, pela reflexão crítica e pela autonomia, o Serviço Educativo da Fundação de Serralves desenvolveu em 2017 uma miríade de atividades destinadas às escolas, crianças, famílias e adultos, além de uma frente de trabalho dedicada à inclusão social e intelectual. O conceito de “hands on/minds on” esteve presente na importância dada ao processo, à descoberta e vivência.

Música, Dança,
Performance
e Cinema

Durante o ano de 2017 o programa de música, dança, performance e cinema distinguiu Serralves como uma das principais instituições contemporâneas que trabalham as artes performativas de forma transdisciplinar e impactante.

Música
20 mar ‘17
02 — 16 jul ‘17
26 out ‘17
23 — 26 nov ‘17
11 fev ‘17
Ensemble Aga Khan: Nova Música da Rota da Seda
Aga Khan Music Initiative
Jazz no Parque 2017, 26ª edição
Angela Bulloch e David Grubbs
The Wired Salutation
Mark Fell
Intermetamorphosis
Janice Kerbel
DOUG
Dança
12 mai ‘17
16 — 17 jun ‘17
12 out ‘17
13 out ‘17
16 dez ‘17
Festival DDD
Meg Stuart/Damaged Goods e Eira
Alexandra Bachzetsis - Wear a Mask
Alexandra Bachzetsis - Private Song
Uma dança irritada por Yvonne Rainer
Performance
15 — 21 mai ‘17
O Museu como performance
Cinema
17 — 30 jul ‘17
21 e 22 out ‘17
13 — 19 nov ‘17
José Álvaro Morais
Guy Bordin e Renaud de Putter
Jonas Mekas

Reflexão

Sendo a Fundação um espaço privilegiado para a reflexão e debate sobre as grandes questões da contemporaneidade, em 2017 Serralves promoveu diversas sessões de reflexão em temas tão diversos como as expressões artísticas contemporâneas, a arquitetura, a museologia, a arte, o urbanismo, a economia, o pensamento filosófico, a sustentabilidade e a biodiversidade.
10 jan ‘17
11 jan ‘17
23 jan ‘17
23 — 25 mar ‘17
16 mai ‘17
30 jun ‘17
06 jul, 20 set, 30 nov e 07 dez ‘17
05 set ‘17
19 out ‘17
27 out ‘17
29 nov e 04 dez '17
O que aprendemos com a publicidade?
Sessão de apresentação da ENEA 2020
Green Project Awards
Congresso Internacional - Intersexualidades
Lembrar Paulo Cunha e Silva
Dia do Asteroide 2017 - Portugal
Novas perspetivas: Conversas sobre arte e arquitetura
Em busca das nossas origens
Jornadas AEP/Serralves: A 4a revolução industrial
Apresentação do Livro: Tendências Globais 2030
Mediação cultural
Expressamos o nosso agradecimento a todos os que no presente ajudam a projetar Serralves no futuro!

Apoios
Institucionais

Cofinanciamento Portugal 2020 - Norte 2020

Arquitetura 3.0 – Promoção Novos Modelos de Internacionalização
Casa do Cinema Manoel de Oliveira
Extraordinary Art for Exceptional Architecture
O Mundo em Serralves Valores Naturais do Parque de Serralves:
Promoção e Divulgação

Co-Financiamento Fundo Ambiental – ENEA2020:

Projeto Educativo Ambiental de Serralves

Câmara Municipal do Porto

Apoio ao Serralves em Festa 2017

Mecenas

Mecenas Exclusivo do Museu de Arte Contemporânea
Mecenas Exclusivo de uma Exposição Anual
Mecenas do “Serralves em Festa!”

Patrocinador do “Serralves em Festa!”
Patrocinador das Indústrias Criativas

Mecenas do Projeto Sonae//Serralves

Parceiro do Serviço Educativo

Mecenas de uma Exposição Anual

Mecenas Exclusivo do Parque de Serralves

Mecenas do Prémio Novo Banco Revelação

Outros Mecenas