#
CONTACTE-NOS
(+351) 226 156 500
JOAN JONAS - TRABALHOS ANTIGOS
26 MAI 2019
Joan Jonas é uma figura central da performance de meados dos anos 1960. Em obras que examinavam problemas espaciais e percetuais, Joan Jonas fundiu elementos da dança, do teatro moderno e convenções dos teatros japoneses Noh e Kabuki com as artes visuais. A investigação por Jonas da subjetividade e da objetividade é articulada por meio de um vocabulário pessoal idiossincrático de gestos ritualizados e de autoanálise. Atuando frequentemente com máscaras, véus ou trajes de época, Jonas usa o disfarce e o guarda-roupa para estudar a semiótica pessoal e cultural dos gestos e símbolos femininos. Entre as estratégias formais típicas de Jonas contam-se a manipulação do espaço teatral, o vídeo, o uso do desenho para enriquecer a densidade de textura e conteúdo e a utilização de objetos que transmitem significado enquanto ícones, arquétipos e símbolos culturais. A sobreposição de espelhos e imagens refletidas é um dos seus dispositivos mais marcantes e presentes na sua obra. 

Em articulação com a exposição "Joan Jonas”, no Museu de Serralves , o Serviço de Artes Performativas apresentará as recriações das peças Mirror Check (1970) e Mirror Piece I & II: Reconstruction (1969/2018–19), no Parque, Biblioteca e Auditório de Serralves, no contexto da inauguração e na XVI Edição do Serralves em Festa.

A reconstrução e apresentação de Mirror Piece I & II e Mirror Check no Museu de Arte Contemporânea de Serralves é realizada por Joan Jonas com Nefeli Skarma.
Mirror Check é interpretada por Catarina Marcos e Mirror Piece I & II é interpretada por Catarina Marcos, Catarina Vilar Marques, Diana Oliveira Vieira, Douglas Melo, Guilherme de Sousa, Helena Martos, Jessica Guez, Josefa Pereira da Silva, Leonor Mendes, Liliana Oliveira, Magda Almeida, Sancha Meca Castro, Sara Santervás, Teresa Queirós e Valentina Parravicini.

Mirror Piece I & II foi inicialmente apresentada no âmbito da exposição BMW Tate Live Exhibition: Ten Days Six Nights, com curadoria de Catherine Wood, Curadora Sénior de Arte Internacional (Performance), Isabelle Maidment, Assistente de Curadoria de Performance, e Andrea Lissoni, Curador Sénior de Arte Internacional (Filme), 16-25 Mar, 2018, Tate Modern.

Acesso: 7,50€ (acesso conjunto às performances e conversa)
Amigos de Serralves, Estudantes, Cartão Jovem e Maiores de 65: 3,75€
Lotação: 120

Imagem: Joan Jonas, Mirror Piece I, 1969, performance, Bard College, Annandale-on-Hudson, New York, 1969. Photo by Joan Jonas  © 2019 Joan Jonas
Auditório de Serralves e Ténis do Parque de Serralves (18h)
Mirror Piece II foi um dos primeiros de uma série de trabalhos em suportes de tempo limitado que estabeleceram Jonas como uma figura de proa no campo da performance.
Nesta peça, vários performers executam uma série de ações cuidadosamente coreografadas com espelhos e vidros. Devido ao tamanho e ao peso dos adereços, os movimentos dos performers têm que ser lentos e cuidadosos. O perigo permanente de que os espelhos se partam cria uma sensação de ansiedade entre os espectadores. Os espelhos fragmentam o espaço, o público e os próprios performers.
Biblioteca de Museu de Arte Contemporânea de Serralves (19h)
Performance realizada pela primeira vez em 1970 e que consolida as Mirrors Pieces posteriores — marca um importante ponto de viragem teórico e artístico para Joan Jonas, que passa do uso de espelhos como material nas suas esculturas para a sua utilização como adereço nas suas performances. 
O performer observa e examina meticulosamente o corpo através do espelho, que funciona como objeto e agente, e explora diferentes ângulos e perspetivas. 
  • Horário18h00 - 19h30
  • Dias26 MAI 2019

Ser Amigo faz a diferença.
Junte-se a nós! 

MoradaRua D. João de Castro, 210
4150-417 Porto Portugal
Latitude 41º9'35.40"N
Longitude 8º39'35.35"W
CONTACTE-NOS 226156500
SIGA-NOS
Serralves