#

Olafur Eliasson

Olafur Eliasson

CONTACTE-NOS
(+351) 226 156 500
OLAFUR ELIASSON - O V/NOSSO FUTURO É AGORA
de 31 JUL 2019 a 14 JUN 2020
Olafur Eliasson é conhecido por criar obras de arte que atravessam as fronteiras dos espaços de exposição convencionais - como o museu e a galeria - para assumirem uma presença ativa no espaço cívico. Nesta exposição em Serralves, Eliasson convida os visitantes a viajarem através de uma série de instalações e de esculturas recentemente criadas, de grande escala que ao invocarem ciclos, arcos e curvas incorporam movimento.

Colocadas ao longo do hall do Museu, na galeria central do edifício projetado por Siza e no Parque de Serralves, as obras de arte vão buscar a sua inspiração a fenómenos da natureza. A Yellow Forest (Floresta amarela), 2017, um grupo circular de bétulas iluminadas por um anel de lâmpadas de monofrequência amarelas, desafia as perceções do natural e do artificial. Um grande pavilhão, The curious vortex (Curioso vórtice), 2019, com um turbilhão na forma de um vórtice. E três novas esculturas, Human time is movement ((winter, spring, summer)) (O Tempo Humano é Movimento (Inverno, Primavera e Verão)), 2019, formadas por uma série de espirais de aço inoxidável, preto e branco, concebidas especialmente para esta exposição em Serralves.

"Vórtices, ciclos, espirais e correntes compõem O V/NOSSO FUTURO É AGORA – estão presentes nos troncos flutuantes, nas esculturas e no pavilhão instalado no exterior; nos anéis flutuantes e no bosque circular de árvores com folhas estranhamente amarelas no interior. Espero que na sua viajem através desta exposição sinta estes movimentos a um nível visceral e sinta como as trajetórias individuais de cada elemento se cruzam e se afetam umas às outras. ”- Olafur Eliasson

Com o objetivo de fomentar o diálogo entre o interior e o exterior, a seleção de obras reflete a já de si forte relação que a Fundação de Serralves desenvolveu entre o ambiente construído - um edifício concebido pelo vencedor do Prémio Pritzker, Álvaro Siza Vieira - e um Parque envolvente que constitui um contributo significativo para a educação e consciencialização da sociedade para a importância da proteção do património paisagístico e a necessidade de conciliar espaços que são eles próprios um património com manifestações e processos culturais determinados pela sociedade contemporânea, sem prejudicar a sua integridade e permanência. O reconhecimento da singularidade do Parque de Serralves levou a que tivesse conquistado o Henry Ford Prize para a preservação do ambiente em 1997 e, mais recentemente, em 2012 (juntamente com o Museu concebido por Álvaro Siza e a Casa art deco) sido classificado pelo governo português como Monumento Nacional. Em 2015, a editora Phaidon incluiu os jardins de Serralves no livro The Gardener's Garden uma seleção dos 250 jardins mais notáveis do mundo, indicado por um painel internacional de especialistas e que agora acolhem a genialidade de Olafur Eliasson.

Olafur Eliasson: O vosso/nosso futuro é uma exposição organizada pela Fundação de Serralves - Museu de Arte Contemporânea de Serralves em parceria com o Studio Olafur Eliasson, Berlim, neugerriemschneider, Berlim, e a Galeria Tanya Bonakdar, Nova Iorque / Los Angeles, e é comissariada por Philippe Vergne, Marta Moreira de Almeida e Filipa Loureiro.

Encerramento da exposição no Museu: 8 de março 2020
Encerramento da exposição no Parque: 14 de junho 2020



Actividades Relacionadas
Olafur Eliasson
Olafur Eliasson (n.1967) cresceu na Islândia e na Dinamarca. Em 1995, fundou o Studio Olafur Eliasson em Berlim, que hoje conta com mais de cem colaboradores, incluindo artesãos, arquitetos, arquivistas, investigadores, cozinheiros, programadores, historiadores de arte e técnicos especializados. Desde meados da década de 1990, Eliasson realizou várias grandes exposições e projetos em todo o mundo. Em 2003, o projeto The Weather, instalado no Turbine Hall da Tate Modern, foi visto por mais de dois milhões de pessoas; a sua exposição Individual In the real life inaugurou no prédio Blavatnik da Tate Modern em julho de 2019. Os projetos de Eliasson em espaço público incluem o Serpentine Gallery Pavilion 2007, projetado com Kjetil Thorsen para o Kensington Garden de Londres; The New York City Waterfalls, 2008; e Ice Watch, para o qual Eliasson e o geólogo Minik Rosing transportaram enormes blocos de gelo glacial da Groenlândia para Copenhaga (2014), Paris (2015) e Londres (2018) para aumentar a consciencialização sobre as mudanças climáticas. Em 2012, Eliasson fundou um negócio de cariz social Little Sun, e em 2014, ele e o arquiteto Sebastian Behmann fundaram o Studio Other Spaces, um escritório de arte e arquitetura.


#
  • LocalMuseu e Parque
  • Dias 31 JUL 2019 - 14 JUN 2020

Ser Amigo faz a diferença.
Junte-se a nós! 

MoradaRua D. João de Castro, 210
4150-417 Porto Portugal
Latitude 41º9'35.40"N
Longitude 8º39'35.35"W
CONTACTE-NOS 226156500
SIGA-NOS
Serralves