Facebook Linkedin Twitter
#
CONTACTE-NOS
(+351) 226 156 500
Um realismo cosmopolita: O Grupo KWY na Coleção de Serralves
de 23 MAI 2015 a 27 SET 2015
A partir de finais dos anos 1950, o grupo KWY foi responsável pela abertura da arte portuguesa ao contexto internacional e pela franca adesão às novas linguagens figurativas que, sob a égide da reconstrução económica do pós-guerra, deram impulso a um dos períodos mais estimulantes da cultura europeia do século XX. Constituído pelos artistas portugueses Lourdes Castro, René Bertholo, António Costa Pinheiro, João Vieira, José Escada e Gonçalo Duarte, pelo búlgaro Christo e pelo alemão Jan Voss, o grupo congregou-se em Paris em torno da edição da revista KWY, publicada entre 1958 e 1964. Caracterizados pela ausência de manifesto artístico ou de um grande programa teorizador, os doze números da revista registam as mudanças artísticas e sociais ocorridas na época e atestam a força com que a realidade, os acontecimentos quotidianos e o imaginário visual das grandes cidades irrompem no espaço da arte. Do diálogo estabelecido entre as práticas individuais destes artistas e as múltiplas colaborações em projetos editoriais de variadas proveniências transparece um ambiente cosmopolita e transnacional que sustenta a revisão e ultrapassagem dos valores artísticos do pós-guerra pela atenção ao presente imediato.

A exposição apresenta uma seleção de obras e publicações de artista da Coleção de Serralves que integraram o grupo KWY, bem como de artistas portugueses e estrangeiros que colaboraram no projeto editorial KWY, como António Areal, François Dufrêne, Raymond Hains, Bernard Heidsieck, Yves Klein e Jorge Martins. 
Extrapolando a atividade editorial do grupo para as colaborações com outras revistas do período (como a Daily-Bul e a Sens Plastique) e cruzando estas com as pinturas, desenhos, instalações e objetos produzidos pelos seus membros, a exposição adota uma cronologia mais ampla do que a da revista homónima e oferece a visão de um contexto internacional de circulação de ideias e dos vários cruzamentos verificados entre a Nova Figuração portuguesa e o Nouveau Réalisme, o espírito Fluxus, o grupo espanhol El Paso e as experiências letristas e da poesia sonora, entre outras manifestações que questionaram a tradição artística modernista e reivindicaram a presença da arte no centro dos acontecimentos socioculturais do seu tempo. 

A exposição é comissariada por Catarina Rosendo, Investigadora de Obras de Arte, Museu de Arte Contemporânea de Serralves. 


Imagem: de René Bertholo, a partir de serigrafias de Lourdes Castro, Corneille, Peter Saul e António Costa Pinheiro. KWY, n.º 10, Paris, Outono de 1962. Coleção de Livros e Publicações de Artista da Fundação de Serralves - Museu de Arte Contemporânea, Porto

Actividades Relacionadas
VISITAS E CONVERSAS

VISITA GUIADA, 23 MAI (Sáb), 16h00
Com Catarina Rosendo, Curadora da exposição

VISITA GUIADA, 14 JUN (Dom), 12h00-13h00
Por Cristina Alves, educadora do Serviço Educativo do Museu de Serralves

VISITA GUIADA E CONVERSA, 17 JUN (Qua), 19h30-20h30 - Exclusivo para Amigos de Serralves
"Um Realismo Cosmopolita: O Grupo Kwy na Coleção de Serralves" e "Casa de Serralves: O Cliente como Arquiteto"
Uma visita com os curadores das exposições, sobre o trabalho com arquivos e coleções. 
VISITA GUIADA, 4 JUL (Sáb), 17h00-18h00
"As ligações europeias promovidas pelo Grupo KWY e o seu impacto no contexto português" 
Com Ricardo Bastos Areias, Director do CAAA (Centro para os Assuntos da Arte e Arquitectura) e investigador do I2ADS – Instituto de Investigação em Arte, Design e Sociedade da Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto.

VISITA GUIADA, 26 JUL (Dom), 12h00‒13h00
Por Joana Mendonça, educadora do Serviço Educativo do Museu de Serralves

VISITA GUIADA, 30 AGO (DOM), 12h00-13h00
Por Cristina Alves, educadora do Serviço Educativo do Museu de Serralves

VISITA GUIADA, 19 SET (Sáb), 17h00–18h00 
"Grupo KWY e as Publicações de Artista" 
Com Ana Filipa Candeias, Historiadora de Arte Instituto de História de Arte FCSH-UNL.

VISITAS REGULARES AO FIM DE SEMANA
Todos os fins de semana o Serviço Educativo do Museu de Serralves disponibiliza um programa de visitas guiadas às exposições patentes no Museu nos seguintes horários:
Sábados: 16h00–17h00 (em inglês)
Sábados: 17h00–18h00 (em português)
Domingos: 12h00–13h00 (em português)
Estas visitas são realizadas por monitores do Serviço Educativo do Museu de Serralves ou por convidados. 


OFICINA PARA FAMÍLIAS

25 JUL (SÁB), 16h30-18h30
OS SEGREDOS DAS PALAVRAS
Por Joana Mendonça, Educadora do Museu de Serralves.
As palavras são como paisagens: grandes, distantes e cheias de significados. Ao longe são como formas geométricas, com ondulações confusas. Ao perto, dizem-nos segredos ao ouvido.
A partir das obras da exposição KWY, vamos procurar palavras e objetos do dia-a-dia, explorar sons e inventar histórias em família.
Tendo como base as letras, objetos e papéis previamente fotocopiados, vamos desenhar, pintar e colar para criar uma composição colorida e com ritmo, onde os resultados irão surpreender.
Acesso: 5€/ família (máximo de 4 pessoas) ou gratuito mediante apresentação de bilhete Museu e Parque
Lotação: 30 pessoas (crianças+adultos)

Mecenas Exclusivo do Museu
Projeto "Serralves - Património Classificado" cofinanciado por
#
  • LocalMuseu de Serralves
  • Dias 23 MAI 2015 - 27 SET 2015

Ser Amigo faz a diferença.
Junte-se a nós! 

MoradaRua D. João de Castro, 210
4150-417 Porto Portugal
Latitude 41º 9'35.40"N
Longitude 8º39'35.35ºW
CONTACTE-NOS 226156500
SIGA-NOS
Serralves