AS ÚLTIMAS FLORESTAS MARINHAS

Conversas Com Ciência

Parque
Lagar da Quinta de Serralves
20 JUN 2021

Horário: 11:00

Lotação: 20 Pes

Local: Lagar da Quinta de Serralves

Entrada pelo portão da Quinta - Rua Bartolomeu Velho, n.º 141

Evento de acesso gratuito, com inscrição obrigatória para Marta Tavares - m.tavares@serralves.pt

Conversa em espanhol

Pad2 800x450 cover

Na costa norte de Portugal, o afloramento das águas frias durante o verão provocado pelas nortadas e ventos do norte, cria as melhores condições para a existência de florestas de algas próprias dos mares das regiões boreais. Estas florestas de algas constituem o equivalente dos bosques terrestres, alimentando uma diversa cadeia trófica crucial para manter a rica pesca artesanal da costa portuguesa. Nos últimos anos, os impactes de origem antropogénica a todas as escalas estão a mudar a configuração dos ecossistemas costeiros, com efeitos ainda por descobrir. Nesta conversa, comentaremos algumas das evidências destas mudanças e medidas propostas para reverter a situação na década declarada pela ONU como Década do Oceano.


Investigador: Francisco Arenas


S 800xnull Contain
Francisco Arenas
Image
Image mobile

Francisco Arenas, ecólogo marinho e investigador do CIIMAR (Centro Interdisciplinar de Investigação Marinha e Ambiental, UP). 

Tem desenvolvido a sua carreira ao longo das últimas duas décadas com particular interesse na ecologia de invasões marinhas, no impacte das mudanças climáticas nos sistemas marinhos e na importância da biodiversidade no funcionamento dos ecossistemas costeiros. Publicou mais de 80 artigos em revistas científicas internacionais e capítulos de livros.

800.null cover

Parceiro Científico