FORTINI / CÃES | TODA A REVOLUÇÃO É UM LANCE DE DADOS

Sessão de cinema com apresentação de Saguenail 

Auditório da Casa do Cinema Manoel de Oliveira
11 OUT 2023 | 17:00

O acesso ao Auditório da Casa do Cinema é feito pela Rua de Serralves nº 873, 30 minutos antes do início da sessão.

Bilheteira
Bilhete: 3€
Estudante/Jovem, maiores de 64 e Amigos de Serralves: 1.5€  


Passe geral para todas as sessões
Público geral: 70€
Estudante/Jovem/ Maiores de 64 e Amigos de Serralves: 35€

Comprar Bilhete

FORTINI / CÃES | TODA A REVOLUÇÃO É UM LANCE DE DADOS
"Da nuvem à resistência" (Jean-Marie Straub e Danièle Huillet, 1978)

Sexta sessão da Retrospetiva Integral Straub-Huillet, com a projeção dos filmes "Fortini / Cães" (1976) e "Toda a revolução é um lance de dados" (1977), com apresentação de Saguenail.


Fortini / Cani | Fortini / Cães

Jean-Marie Straub e Danièle Huillet | ITA | 83' | 1976

Filmado nos Alpes Apuanos, Fortini / Cães coloca Franco Fortini, autor de Os Cães do Sinai, em relação direta com a paisagem montanhosa da Toscânia onde outrora os partisans foram massacrados pelas forças nazis. Na inabalável importância dada ao texto e à memória dos acontecimentos e dos lugares, Fortini lê a sua própria obra, onde “cita cada massacre, cada aldeia, e ainda que ele próprio não tenha lá ido, nós visitámos esses locais várias vezes. É um cinema topográfico e telúrico, com os Alpes Apuanos, essas montanhas de mármore, tão eternas quanto indiferentes, implacáveis, externas ao sofrimento e, ainda assim, o teatro da luta de classes. E esta é a definição marxista de Fortini do comunismo” (J.-M. Straub).


Toute révolution est un coup de dés | Toda a revolução é um lance de dados

Jean Marie Straub e Danièle Huillet | FRG, ITA, AUT | 11' | 1977

Com um título repescado a Jules Michelet sobre a Comuna de Paris, este pequeno filme recitativo parte do poema de Stéphane Mallarmé, revisitando a coralidade, que rapidamente se tornará um gesto identitário em Straub-Huillet, onde, no cemitério Père Lachaise, um grupo de pessoas (incluindo Danièle Huillet e Michel Delahaye), dispostas em semicírculo, recitam o poema de Mallarmé numa colina relvada sob a qual repousam os últimos membros da Comuna, abatidos nesse mesmo local."              

A DECORRER

TERMINADAS

serralves.pt desenvolvido por Bondhabits. Agência de marketing digital e desenvolvimento de websites e desenvolvimento de apps mobile