O MUSEU COMO PERFORMANCE

Museu
11 - 12 SET 2021

Locais: Museu / Auditório / Parque / Casa

Imagem: ECLIPSE : MUNDO, Paz Rojo

FOLHA DE SALA


Artistas: CECILIA BENGOLEA (AR) & FRANÇOIS CHAIGNAUD (FR), COLETIVO LOA (PT), GUILLEM MONT DE PALOL (ES) & MIGUEL PEREIRA (PT), INÊS TARTARUGA ÁGUA(PT), JACK SHEEN (UK), MARGHERITA MORGANTIN (IT), PAZ ROJO (ES), ROGÉRIO NUNO COSTA (PT)

 

O Museu Como Performance regressa a Serralves em setembro para a sua 7ª edição. Mais um passo para a afirmação do lugar da performance no espaço do Museu, mas também para o seu questionamento. Em tempos de negociações dramáticas da presença, derivadas e agudizadas por crises sanitárias, emergências ambientais e por fricções sociopolíticas que somatizam as dores de crescimento dos ideais cosmopolitas à escala global, a performance oferece-se como uma possibilidade e campo de reflexão e experimentação, de encontros e de tensões cuja urgência parece inescapável. Novamente, reúnem-se neste programa um conjunto de artistas e de trabalhos que oferecem uma trama de encontros e cruzamentos disciplinares onde se incluem performance, ações, dança, música e instalação.


Curadoria: Cristina Grande e Pedro Rocha



Acesso:

Mediante aquisição de bilhete Museu (12 euros)

Desconto de 25% na aquisição de bilhetes para os dois dias (18 euros)

Cumulativo com os descontos habituais (50% para estudantes, >65 anos e Amigos)

 

Residentes em Portugal

mediante aquisição de bilhete Museu (10 euros)

Desconto de 25% na aquisição de bilhetes para os dois dias (15 euros)

Cumulativo com os descontos habituais (50% para estudantes, >65 anos)

 

Amigos de Serralves

Entrada Gratuita

 

Sujeito às lotações do espaço.


O Museu como Performance conta com o apoio da Morgan Phoa Family


Pad2 800x450 cover

A DECORRER

TERMINADAS

Image desktop

Imagem: ECLIPSE : MUNDO, Paz Rojo

FOLHA DE SALA


Artistas: CECILIA BENGOLEA (AR) & FRANÇOIS CHAIGNAUD (FR), COLETIVO LOA (PT), GUILLEM MONT DE PALOL (ES) & MIGUEL PEREIRA (PT), INÊS TARTARUGA ÁGUA(PT), JACK SHEEN (UK), MARGHERITA MORGANTIN (IT), PAZ ROJO (ES), ROGÉRIO NUNO COSTA (PT)

 

O Museu Como Performance regressa a Serralves em setembro para a sua 7ª edição. Mais um passo para a afirmação do lugar da performance no espaço do Museu, mas também para o seu questionamento. Em tempos de negociações dramáticas da presença, derivadas e agudizadas por crises sanitárias, emergências ambientais e por fricções sociopolíticas que somatizam as dores de crescimento dos ideais cosmopolitas à escala global, a performance oferece-se como uma possibilidade e campo de reflexão e experimentação, de encontros e de tensões cuja urgência parece inescapável. Novamente, reúnem-se neste programa um conjunto de artistas e de trabalhos que oferecem uma trama de encontros e cruzamentos disciplinares onde se incluem performance, ações, dança, música e instalação.


Curadoria: Cristina Grande e Pedro Rocha



Acesso:

Mediante aquisição de bilhete Museu (12 euros)

Desconto de 25% na aquisição de bilhetes para os dois dias (18 euros)

Cumulativo com os descontos habituais (50% para estudantes, >65 anos e Amigos)

 

Residentes em Portugal

mediante aquisição de bilhete Museu (10 euros)

Desconto de 25% na aquisição de bilhetes para os dois dias (15 euros)

Cumulativo com os descontos habituais (50% para estudantes, >65 anos)

 

Amigos de Serralves

Entrada Gratuita

 

Sujeito às lotações do espaço.


O Museu como Performance conta com o apoio da Morgan Phoa Family