Fundação

Certificação Ambiental

Anterior

Seguinte

Lago de Serralves envolto de vegetação muito densa.

Consciente da sua presença, e influência, junto das comunidades local, regional e internacional, a Fundação pretende constituir-se como um exemplo para a sociedade em geral, minimizando os impactes ambientais das suas atividades, prevenindo a poluição e contribuindo ativamente para o desenvolvimento sustentável.
Neste sentido, a Fundação implementou um sistema de gestão ambiental, e em 2013, obteve o registo no Sistema Comunitário de Ecogestão e Auditoria (EMAS) tornando-se assim a primeira fundação cultural portuguesa a obter o registo no Sistema Comunitário de Ecogestão e Auditoria (EMAS), depois da certificação pela norma NP EN ISO 14001.

800.null contain
Grupo de pessoas em visita guiada ao jardim
Enquadramento
Pessoas a andar por caminho do parque ladeado por cartazes
Outras iniciativas
Reunião de pessoas na biblioteca de Serralves a assistir a uma palestra
Declaração Ambiental
Árvore
Sistema Comunitário da Ecogestão e Auditoria (EMAS)
ovelhas, um burro e um cavalo num campo de erva
Política Ambiental
Grupo de crianças que exploram a vegetação
Âmbito da certificação
Crianças exploram a natureza
Certificado ISO 14001 E EMAS
Grupo de pessoas em visita guiada ao jardim
Image mobile
Enquadramento

A Fundação de Serralves iniciou a sua atividade em 1989 e é reconhecida como uma instituição cultural de referência de âmbito internacional.
Consciente da sua presença e influência junto das comunidades local, regional e internacional, a Fundação pretende constituir-se como um exemplo para a sociedade em geral, minimizando os impactos ambientais das suas atividades, prevenindo a poluição e contribuindo ativamente para o desenvolvimento sustentável.

A Fundação de Serralves contratou, em 2009, a uma empresa especializada, a realização de um Diagnóstico Ambiental que teve como objetivos: recolher e sistematizar a informação sobre a situação da Fundação em matéria de gestão e desempenho ambiental; identificar medidas para melhorar o desempenho ambiental da Fundação, no domínio da gestão interna; identificar ações e recursos necessários para a implementação de um Sistema de Gestão Ambiental na Fundação e estabelecer orientações nessa matéria.

A 23 de maio de 2011 a Fundação de Serralves assina um Protocolo de Cooperação com a Agência Portuguesa do Ambiente para implementação do EMAS por fases.
Desde que a Fundação de Serralves iniciou o processo de implementação de um sistema de gestão ambiental que tem vindo a adotar medidas para a melhoria do seu desempenho ambiental, designadamente: instalação de caudalímetros nos poços para monitorização dos consumos de água; colocação de lâmpadas mais eficientes; colocação de contentores para separação de resíduos; instalação de bacias de retenção.

Reconhecendo a importância da participação de todos os colaboradores neste processo, a Fundação tem vindo a apostar na sua sensibilização para questões ambientais e tem procurado que participem de forma ativa e transparente na melhoria do desempenho ambiental e na prevenção da poluição.

Assim, a Fundação implementou um sistema de gestão ambiental e, em 2013, obteve o registo no Sistema Comunitário de Ecogestão e Auditoria (EMAS) e a certificação pela norma NP EN ISO 14001.

O processo de Certificação Ambiental da Fundação foi cofinanciado pelo Programa Operacional Regional do Norte, no âmbito do projeto Serralves – Património Classificado.

800.null contain
800.null contain
800.null contain